Cinema e Séries

“Aves de Rapina” é surpreendente, cheio de ação e magistral na dose certa

Com Margot Robbie no papel principal, “Aves de Rapina” é mais um acerto da Warner Bros!

Warner Bros Pictures

A coragem e o rumo que esse filme tomou, é algo pra se elogiar. Protagonizado por mulheres, esse filme mostra que elas são capazes de executar ótimas e grandes cenas de ação, sem nenhum medo de arriscar, deixando o espectador impressionado. Margot Robbie nasceu para ser a Arlequina, incrível mais uma vez.

Cassandra Cain (Ella Jay Basco), Renée Montoya (Rosie Perez), Caçadora (Mary Elizabeth Winstead), estão ótimas também. O humor existe no filme, mas na medida certa, sem piadas fora de hora ou exagerada.

A diretora Cathy Yan e a roteirista Christina Hodson deu a cada uma delas o seu momento, contribuindo muito bem para a trama. Nem vou querer entrar em méritos no grito da Canário (Jurnee Smollett-Bell), porque aquilo foi igualzinho nas animações e quadrinhos, deixando o coração do fã bem quentinho.

Warner Bros Pictures
Warner Bros Pictures

Os vilões Roman Sionis/Máscara Negra (Ewan McGregor) e Victor Zsasz (Chris Messina), foram bons, cumpriram o seu papel. Algumas pontas aqui e ali ficaram no ar, não sei se foi proposital para ser respondido futuramente, mas que até então, resta esperar para ver.

Warner Bros Pictures

No geral, Aves de Rapina é brutal, excelente quebra da quarta parede, trilha sonora envolvente, um lindo visual e as demais referências à Esquadrão (por conta do passado dela com o Coringa). Vale a pena ir ao cinema e se emancipar por essa nova produção da Warner Bros. Estou satisfeito.

“Aves de Rapina: Arlequina e sua Emancipação Fantabulosa”, está em exibição nos cinemas.

Comentários