Cinema e Séries

Ray Fisher diz que Joss Whedon teve comportamento abusivo nas refilmagens de “Liga da Justiça”

Ator comentou sobre o comportamento do diretor antes do lançamento do longa nos cinemas.

Warner Bros Pictures

Após a saída de Zack Snyder no comando de “Liga da Justiça”, em meio a tragédia familiar, Joss Whedon, o diretor de “Vingadores (2012)”, assumiu na direção e fui responsável pelas refilmagens antes do filme chegar aos cinemas em 2017.

Ray Fisher, escalado no papel do Victor Stone, o Ciborgue, personagem que teria papel fundamental no longa, comentou em seu Twitter, nesta quarta-feira (01), sobre o péssimo comportamento do diretor no set e sobre o mesmo ter a liberdade concebida tendo Geoff Johns ciente do que acontecia.

Ele disse o seguinte:

O tratamento de Joss Wheadon no elenco e na equipe da Liga da Justiça foi grosseiro, abusivo, pouco profissional e completamente inaceitável.

Ele foi habilitado, de várias maneiras, por Geoff Johns e Jon Berg.

Prestação de contas > Entretenimento

Joss Whedon ainda não se declarou a respeito do assunto.

Comentários